César Awards 2020 – Os vencedores do Oscar francês

>, Notícias>César Awards 2020 – Os vencedores do Oscar francês

César Awards 2020 – Os vencedores do Oscar francês

Por | 2020-03-05T23:15:51+00:00 5 de março de 2020|Mostras e Festivais, Notícias|0 Comentários

Na última sexta-feira (28/02) foram anunciados os vencedores do 45º César Awards, um festival de filmes franceses avaliados pela academia de Artes e Técnicas de Cinema da França. A prata é a da casa e é um dos festivais mais importante daquele país, que só perde para Cannes, que tem um viés mais globalizado. Como não podia deixar de ser… debaixo de bastante burburinho e polêmica, com direito a manifestação feminista do lado de fora da Salle Pleyel, que teve como alvo era Roman Polansky, cujo filme “J’Accuse” recebeu 12 indicações ao prêmio e levou para casa três Césares, de melhores: diretor, roteiro adaptado e figurino. O prêmio de melhor filme foi para o indicado ao Oscar “Les Misérables’ de Ladj Ly. Na categoria de filme estrangeiro, como era de se esperar, quem abocanhou o troféu foi “Parasita”.

Confira a lista completa”

MELHOR FILME
“Les Misérables,” dir. Ladj Ly

MELHOR DIRETOR
Roman Polanski, “An Officer and a Spy”

MELHOR ATRIZ
Anaïs Demoustier, “Alice and the Mayor”

MELHOR ATOR
Roschdy Zem, “Oh Mercy!”

MELHOR ATOR COADJUVANTE
Swann Arlaud, “By the Grace of God”

MELHOR ATRIZ COADJUVANTE
Fanny Ardant, “La Belle Époque”

MELHOR MÚSICA ORIGINAL
Dan Levy, “I Lost My Body”

MELHOR FILME ESTRANGEIRO
“Parasite,” dir: Bong Joon Ho

MELHOR FOTOGRAFIA
Claire Mathon, “Portrait of a Lady on Fire”

MELHOR EDIÇÃO
Flora Volpelière, “Les Misérables”

MELHOR ROTEIRO ORIGINAL
Nicolas Bedos, “La Belle Époque”

MELHOR ROTEIRO ADAPTADO
Roman Polanski, Robert Harris, “An Officer and a Spy”

MELJHOR CANÇÃO
Nicolas Cantin, Thomas Desjonquières, Raphael Moutarde, Olivier Goinard, Randy Thom, “The Wolf’s Call”

PRÊMIO DO PÚBLICO
“Les Misérables,” dir: Ladj Ly

MELHOR CURTA-METRAGEM
“By a Hair,” dir: Lauriane Escaffre, Yvonnick Muller

MELHOR DOCUMENTÁRIO
“M,” dir: Yolande Zauberman

MELHOR FILME REVELAÇÃO
“Papicha,” dir: Mounia Meddour

MELHOR ANIMAÇÃO
“I Lost My Body,” dir: Jérémy Clapin

MELHOR ANIMAÇÃO CURTA-METRAGEM
“The Night of the Plastic Bags,” dir: Gabriel Harel

MELHOR ATRIZ REVELAÇÃO
Lyna Khoudri, “Papicha”

MELHOR FIGURINO
Pascaline Chavanne, “An Officer and a Spy”

MELHOR DESIGNER DE PRODUÇÃO
Stéphane Rozenbaum, “La Belle Époque”

MELHOR ATOR REVELAÇÃO
Alexis Manenti, “Les Misérables”

Sobre o Autor:

Editora do site Cinema & Movimento e crítica cinematográfica

Deixar Um Comentário